Descubra mais sobre a Meteorologia na Maia

Tel: 22 406 21 26 | Email: geral@maiahoje.pt



LIGA: FC do Porto assume liderança partilhada com o Braga após desaire do Benfica

LIGA: FC do Porto assume liderança partilhada com o Braga após desaire do Benfica

Vencendo por dois golos sem resposta, perante um Feirense aguerrido que assim valorizou o jogo e a vitória dos Dragões, o FC do Porto passou a partilhar com o Braga a liderança deixando ambos o Benfica e Rio Ave com menos um ponto.

Na véspera o Benfica havia-se dado mal com os pastéis de Belém, perdendo o jogo e dessa forma ficado à mercê de que uma vitória dos Dragões lhes permitisse ultrapassá-los, ainda por cima depois do Braga não ter ido além de um empate na cidade berço.

No passado recente, sobretudo nas últimas épocas o FC do Porto não se tinha vindo a dar bem com as oportunidades oferecidas por terceiros, pelo que apesar de o adversário desta noite não ser dos mais difíceis, subsistia a sombra desse passado.

Não admirou portanto que os pupilos de Sérgio Conceição começassem desde o primeiro minuto na busca da vantagem que lhes permitisse reconstruir a história, o que até conseguiram logo aos 6  minutos, por Danilo, mas prontamente anulado por alegado fora de jogo no lance.

Não desanimou o público nem os atletas em campo que de parte a parte continuaram a dar espetáculo com a bola a rondar quase sempre a baliza do Feirense. Até que aos 21m, na marcação de um livre, e em jogada estudada, a bola é lançada na direita com um cruzamento tenso ao primeiro poste onde apareceu Felipe, triunfante, a desviar de cabeça para o fundo das redes. Nas bancadas festejava-se, mas entrou o VAR em ação por possível fora de jogo, e o suspense ficou no ar durante um longo minuto, até que após visualização das imagens o golo seria confirmado por Rui Oliveira, o árbitro da partida.

Mas o Feirense não baixou os braços e aos 30 minutos Edson Farias teve a hipótese de empatar com remate forte à entrada da área, a que Casillas correspondeu com a defesa da noite até aí, após a que se assistiu a um jogo mais partido, com algum pendor ofensivo, à vez, entre os oponentes, embora com sinal mais do lado FC do Porto, acabando assim a primeira metade.

Na etapa complementar e sabendo que a diferença mínima seria sempre um perigo, o FC do Porto voltou a aparecer ao ataque, mas iam dando com um Feirense bem organizado, e sempre pronto a retaliar, acabando por ser Casillas a fazer a primeira defesa deste período inicial, a que logo a seguir Soares respondeu introduzindo a bola na baliza mas em posição de fora de jogo.

Até que aos 62m, vendo o risco continuado e certamente com o intuito de segurar o meio campo, Sérgio Conceição faz entrar Herrera para o lugar de Corona. A mudança começou a dar frutos e numa arrancada de Brahimi, que centrou a preceito ao primeiro poste, deu a hipótese a Soares de fazer o segundo, mas o remate saiu ao lado.

Até que aos 80m  numa jogada de transição Marega recebe a bola à entrada da área, perde o tempo de remate, mas a bola sobra-lhe novamente mais adiante e já em ângulo apertado remata a contar, fazendo o segundo da noite, dando o descanso que tardava em aparecer para a maioria dos 46000 adeptos presentes nesta noite fria de Outono, garantindo a vitória e a liderança a par do SC Braga ambos com 18 pontos.

Imagens

28-Oct-2018 às 19:48, Francisco Bacelar

Escreva um comentário