Descubra mais sobre a Meteorologia na Maia

Tel: 22 406 21 26 | Email: geral@maiahoje.pt



LIGA: FC do Porto volta a festejar na Luz e “rouba” liderança ao Benfica

LIGA:  FC do Porto volta a festejar na Luz e “rouba” liderança ao Benfica

Era o jogo que poderia definir ou deixar o campeonato quase decidido, pelo menos em caso de vitória da equipa da casa, que recentemente passou para a liderança com um ponto de vantagem após dois desaires dos Dragões nas saídas fora de casa, a Paços d

Do lado Benfica depois de no jogo de Setúbal, Jonas se lesionar no aquecimento, Rui Vitória socorreu-se de Raúl Giménez que marcaria os dois da vitória, mas desta feita o goleador do Benfica nem nos convocados entrou.

Do lado do Porto, foi a vez de Aboubakar ficar no banco e entrar o regressado Marega que havia estado lesionado, fazendo frente de ataque com Soares e Brahimi.

Os adeptos Benfiquistas haviam prometido os primeiros 10 minutos ininterruptos de cânticos e até conseguiram quase 5, após o que, pelo menos do lado nascente já se ouvia quase só se ouvia a claque de apoio aos portistas.

O Benfica saiu a tentar marcar, teve mais posse de bola nos primeiros 15 minutos, mas lentamente o Porto foi recuperando, sem no entanto criar grande perigo. Oportunidades ouve para o Benfica e Porto, mas as melhores foram ao fechar do panao da primeira metade, primeiro por Pizzi aos 43m, frente a Casillas que respondeu com uma grande defesa, e volvidos 2 minutos por Marega que junto à baliza de Varela rematou rasteiro ao lado do poste direito.

Na segunda metade foi tudo muito diferente. O Porto surgiu mais solto com mais vontade de ganhar vantagem no marcador. Teve mais posse de bola, mas foi já no cair do pano, que Herrera “fuzilou” atenticamente as redes de Bruno Varela com um remate frontal sem qualquer hipótese de defesa para o guardião do Benfica.

Era o 0-1, e com este resultado voltava a assumir a liderança isolado da Liga, sem depender de mais ninguém, com dois pontos de vantagem sobre o seu opositor desta noite, com a vanatgem acrescida de em caso de empate no final, estes dois pontos valerem por três. Sendo cerro que ainda faltam 12 pontos em disputa, é também inquestionável que esta preciosa vantagem pode, de facto ser decisiva.

Sérgio Conceição considerou que “ foi um jogo com muita intensidade, muito competitivo, na primeira parte as equipas anularam-se, como é costume do Benfica a jogar no seu estádio. Na segunda parte não me lembro de uma ocasião do Benfica, sendo um jogo equilibrado, na segunda parte que foi toda nossa. As substituições foram no sentido de dar algo mais à equipa, até porque o Marega estava a dar sinais muito positivos. Nas últimas 3 a 4 semanas sentimos o dissabor de não ganhar jogos que deveríamos ganhar. Agora ainda não ganhamos nada, mas temos mais 4 jogos para fazer, obviamente que ganhamos 3 pontos e o adversário direto não, e isso é muito positivo para nós.”

 

Já Rui Vitória analisou o jogo assim: “Talvez se justificasse a nossa vantagem na primeira parte, mas acabamos por sofrer um golo num remate enquadrado. Mas pronto agora é continuar e isto ainda não acabou. Ainda faltam 4 jornadas e ainda tudo pode acontecer. Vamos disputá-las de forma muito determinada, mas não vamos esquecer o que foi feito e vamos lutar nas próximas jornadas até ao limite.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imagens

15-Apr-2018 às 20:45, Francisco Bacelar

Escreva um comentário

LIGA: FC do Porto “arranca” vitória a ferros (1-0), perante Tondela organizado LIGA: FC do Porto “arranca” vitória a ferros (1-0), perante Tondela or...

A precisar de vencer e apesar do esforço por chegar à baliza do Tondela, o FC do Porto não logrou os seus intentos até aos 84m quando, finalmente, Soares desfez o empate a zero com remate à bomba dentro da área.

Continuar a ler »